Recicle certo – Dicas para reciclagem

         

Dando continuidade à série de artigos sobre conscientização ambiental, hoje vamos falar sobre reciclagem. No texto anterior explicamos que  conscientização ambiental é a necessidade das pessoas estarem cientes dos prejuízos sofridos pelo meio ambiente devido a sua exacerbada exploração pelos seres humanos. É a transformação de senso crítico em relação aos cuidados com a natureza. Conservar, conscientizar, reciclar e respeitar são atitudes essenciais para a preservação e utilização sustentável dos recursos naturais do planeta. E para isso preparamos umas dicas para te ajudar a começar a reciclar seu lixo.

 

Separando o lixo corretamente

Devemos separar o lixo em 3 categorias: lixo orgânico, lixo material reciclável, e lixo material não reciclável.

Lixo orgânico: é tudo aquilo que é proveniente de um ser vivo, vegetal ou animal. Constitui-se de restos alimentares (cascas de frutas, carnes, cascas de ovos, borra de café, sementes, etc.). O lixo orgânico pode ser reciclado para a produção de adubo natural através da técnica da compostagem.

Lixo material reciclável: são os materiais que foram produzidos através de processos industriais, e que não se deterioram naturalmente. Tudo que for de plástico, metal e vidro.

Dica 1 : lave os recipientes e embalagens, e não molhe nem amasse os papeis, pois isso inviabiliza a reciclagem. Embrulhe vidros quebrados  e outros materiais cortantes com papel grosso.

Dica 2: Diminua o tamanho das garrafas PET e de latinhas, amassando-as com as mãos ou pisando em cima delas. No caso da garrafa, depois feche a tampa.

Lixo material não reciclável: trata-se de materiais que não podem ser reciclados, mas também não podem ser descartados no lixo comum, pois são perigosos por poluírem o meio-ambiente com compostos tóxicos.  Equipamentos eletrônicos, pilhas, baterias de celular e lâmpadas, por exemplo, devem ser entregues em locais apropriados. Muitos estabelecimentos comerciais já recolhem estes produtos para encaminhá-los às empresas que fazem o descarte de forma apropriada.

O que mais não vai para o lixo reciclável?

Papel-carbono, etiqueta adesiva, fita crepe, guardanapos, fotografias, filtro de cigarros, papéis sujos, papéis sanitários, copos de papel. Esses itens devem ser separados e descartados junto com o lixo orgânico.

E como descartar?

A maioria das cidades conta com postos que recebem lixo reciclável, alguns supermercados e empresas recebem também. O lixo orgânico pode ser descartado na coleta comum que passa na rua. Algumas regiões contam ainda com coleta seletiva que passa na porta de casa, facilitando ainda mais o trabalho. Basta deixar o lixo separado como explicados acima, que o caminhão irá leva-lo ao destino correto.